Postal entrevista Felipe Munhoz, Vinicius Costa e Giovanni Fontanella

E aí, pessoal! O post de hoje assumiu uma pegada diferente. A equipe Postal se reuniu com os skatistas brasileiros que estão progredindo no cenário nacional para que os mesmos pudessem contar um pouquinho sobre as suas jornadas no skateboarding.

skatistas patrocinados pela Postal 

Hoje, apresentamos para vocês que estão fazendo barulho no skate nacional. Confira a nossa entrevista na íntegra com o terraboense Felipe Munhoz, o cearense Vinicius Costa e o curitibano Giovanni Fontanela.

Felipe Munhoz: “Me senti como em um intercâmbio do skate”

Felipe Munhoz ao lado de Vinícius Costa

Idade: 21 anos

Tempo de Skate: 11 anos

De onde é: Terra Boa

Instagram: @felipemunhoz__

Há quanto tempo anda de skate e como se iniciou no esporte?

Ando de skate desde os meus 10 anos, então já faz 11 anos. Eu comecei a andar de skate em uma cidadezinha chamada Terra Boa, perto de Maringá, onde moro atualmente.

Comecei a andar vendo vídeos do Youtube, e foi ficando cada vez mais sério, pode-se dizer que em 2016/17 que eu comecei a ter os patrocinadores mais relevantes e, de lá pra cá, começou a ficar cada vez mais legal!

Como começou sua parceria com a Postal?

Então, eu estou na Postal faz um mês. Um mês que a gente começou a fazer um trabalho da hora. O Foguinho (dono da Postal) foi para Maringá e a gente começou a planejar mais os projetos, a estruturar mesmo como seria esse apoio.

Depois eu viajei pra São Paulo, na casa do Vini, que tem patrocínio da Postal também. Fiquei duas semanas gravando para a intro que logo menos sai. Foi muito legal conhecer pessoas, gravar com o Rasta…

Eu me senti como em um intercâmbio do skate, podendo andar em lugares novos. Foi muito bom o que a Postal me proporcionou através do projeto de “Bem-vindo”. Foi bem legal.

Como a parceria com a Postal influenciou no seu crescimento pessoal e profissional?

Eles me ajudam muito. Por exemplo, eu estava sem patrocínio de shape e eles passaram a me fornecer, não deixam me faltar nada, nenhuma peça, tá ligado? Todas as viagens que eu quero fazer eles ajudam no custo como podem.

Qual a oportunidade mais legal ou que você mais curtiu que a Postal te proporcionou?

Então, um dos campeonatos que eu mais gostei de ter participado foi lá em Goiânia ano passado, a gente colou lá pra participar do Goiânia Crew Attack. Foi eu, o Vini, o Tales Silva e o Marcelo Batista.

Foi muito da hora, porque é um campeonato com uma energia de união, sabe?! Uma parada mais skateboard. Não é como se todo mundo tivesse focado em ganhar, é mais uma grande festa do skate para unir a galera.

É um campeonato bem diferente, um campeonato de Crew. Foi uma experiência muito boa ter colado lá. Participei dele esse ano também, mas, devido a pandemia, aconteceu pela internet, mas foi bem legal também. Só espero estar lá ano que vem para poder prestigiar essa festa de skateboarding brasileiro de rua original (risadas).

Vinicius Costa: “Eu nunca tinha vivido algo parecido”

Vinícius Costa com mão na cintura

Nome: Vinicius Costa

Idade: 20 anos

Tempo de Skate: 11 anos

De onde é: Fortaleza

Instagram: @instaviniskt

Há quanto tempo anda de skate e como se iniciou no esporte?

Eu ando de skate há 11 anos e a prática de skate deixou de ser brincadeira de uns 4 anos pra cá.

Vinícius Costa fazendo manobra com skate

Como começou sua parceria com a Postal?

A relação com a Postal começou em 2016, quando eu morava em Londrina. O Foguinho me lançou uma proposta e eu aceitei na hora, desde então iniciamos um trabalho que foi progredindo cada vez mais. Já estamos há 4 anos nessa caminhada.

Vinicius Costa junto com amigos em volta de mesa durante refeição Vinicius costa junto com amigos Vinícius Costa e parceria juntos em aeroporto

Dentro desses 4 anos fizemos um trabalho muito bem executado. Em 2018 fomos para o Tampa Pro nos Estados Unidos e recentemente fomos pro Chile, Santiago, acho que em março de 2020.

Como a parceria com a Postal influenciou no seu crescimento pessoal e profissional?

Essa parceria me ajudou muito financeiramente, a me organizar como atleta de alta performance e hoje estamos aí seguindo mais um trabalho, acabamos de soltar um vídeo pela 100% e creio que logo menos faremos outros. E é isso, só tenho a agradecer por tudo.

Vinícius Costa sentado em frente mesa com dinheiro sobre ela

Qual a oportunidade mais legal ou que você mais curtiu que a Postal te proporcionou?

Uma das viagens mais legais que eu achei foi em 2018, minha primeira vez nos Estados Unidos. Foi o Foguinho e eu, a Postal nos levou.

Cara, no campeonato de lá eu ganhei o Golden Ticket, que é quando você passa em primeiro para a seletiva e vai direto para semifinal. Fora isso, foi uma experiência de vida muito massa, eu nunca tinha vivido algo do tipo ou parecido, então foi uma viagem incrível para mim.

Skatista em com skate na mão, sobre pódio de ganhador

A expectativa que eu tenho do skate, na real, que eu já tenho desde quando comecei a andar, é que o skate me levou para lugares incríveis, eu conheci pessoas e países incríveis. E o que eu espero dele é que continue me levando para lugares, a conhecer pessoas, culturas e o que é o real skate.

Giovanni Fontanela: “Só temos a crescer juntos”

Giovanni Fontanela

Nome: Giovanni Fontanela

Idade: 19 anos

Tempo de Skate: 10 anos

De onde é: Curitiba

Instagram: @fontanelaskate

Há quanto tempo anda de skate e como se iniciou no esporte?

Eu ando de skate há 10 anos e, durante esse tempo, eu já viajei para vários lugares do Brasil. Fui pro Chile com o Foguinho e com a galera da Postal. Foi bem irado o campeonato.

Atualmente eu tenho participado de um circuito brasileiro que é o STU (Circuito Profissional de Skate), embora tudo tenha parado devido à pandemia.

Giovanni Fontanela descendo rampa de skate

Como começou sua parceria com a Postal?

A parceria com a Postal começou em julho de 2017. Quem abriu a porta pra mim foi o Malu, um amigo meu aqui de Londrina. E daí pra frente, o Foguinho e a galera da loja me ajudaram bastante, tanto no meu desenvolvimento pessoal quanto no meu desenvolvimento enquanto skatista profissional.

Como a parceria com a Postal influenciou no seu crescimento pessoal e profissional?

É muito bom ver a loja crescendo junto comigo, tá ligado? Porque é muito importante para um skatista ter uma marca apoiando, então, a Postal tem me ajudado bastante e a gente tem criado várias coisas juntos, só temos a crescer cada vez mais.

Giovanni Fontanella e Vinícius Costa juntos Giovanni Fontanela e Vinicius Costas abraçados Giovanni Fontanela mostrando a língua ao lado de amigo

Qual a oportunidade mais legal ou que você mais curtiu que a Postal te proporcionou?

A viagem que eu mais curti com os meus amigos foi a viagem para o Chile, que eu fiz com a galera da Postal. Eu nunca tinha saído do Brasil e foi uma experiência bem diferente pra mim, foi divertido conhecer os skatistas de lá, as pistas e os lugares. Com certeza foi uma das viagens que eu mais aproveitei.

Quanto aos campeonatos, o que eu mais curti, foi um que ganhei muito dinheiro, no Rio de Janeiro. Fiquei um mês vivendo de patrão (risadas).

Giovanni Fontanela segurando papel que representa ser vencedor de um prêmio em reais

E aí, curtiu a nossa entrevista com os meninos? Esperamos que este bate papo tenha te inspirado a continuar firme no universo dos skateboarding. Quem sabe um dia não seja você aqui como um dos nossos skatistas entrevistados?

Para ter acesso a conteúdos e dicas sobre skate, acompanhe semanalmente as nossas postagens aqui do blog. E não deixe de seguir a nossa página no Instagram para fazer parte da nossa família.

Até a próxima.

Deixe um comentário