Escolhendo a roda de skate mais adequada para seu rolê

No skateboarding, cada modalidade tem um conjunto de especificações técnicas que fazem a diferença em seu rolê, isso porque peso, densidade, envergadura, espessura, tudo isso muda o grip, o esforço, a velocidade, a estabilidade. E na base de sustentação de tudo isso fica a roda de skate.

Ao escolher a melhor roda de skate, é importante pensar qual é seu tipo de rolê, se é mais urbano, como modo de locomoção, vertical, híbrido.

Criamos esta postagem para e ajudar a definir a melhor opção, seja para montar seu skate ou substituir o conjunto antigo, escolhendo o mais adequado para seu estilo.

As propriedades das rodas de skate

rodas kronik 51 mm

Praticamente todas as rodas de skate hoje são produzidas em poliuretano, um material extremamente versátil, encontrado em todo canto do nosso dia a dia.

Graças a essa versatilidade, as fabricantes de skateboarding têm produzido rodas cada vez mais variadas para atender aos diferentes públicos. Mais do que variar nas dimensões, as rodas de skate também mudam na densidade, e isso é um dos principais pontos ao se escolher a roda ideal.

Densidade

A densidade da roda de skate determina o quão dura ela é. As fabricantes costumam categorizá-las com a sigla ‘A’  após o número de sua densidade, que geralmente vai de 76 à 105, da mais mole à mais dura ou ‘seca’.

Alguns fabricantes usam siglas diferentes de acordo com a composição, como as B e C, sendo B 20 pontos abaixo da proporcional em A, e D em média 40 (ou seja, uma roda B 75 é proporcional à uma A 95, por exemplo).

Enquanto rodas mais moles oferecem maciez, as mais secas oferecem estabilidade para preparar manobras.

Diâmetro

O diâmetro da roda influência quanto de sua superfície vai estar em contato com o chão enquanto se anda, variando entre uma média de 49 a 77 milímetros.

Quanto maior a superfície da roda em contato com o solo, mais rotação ela terá com menos esforço, ganhando mais velocidade e equilíbrio. Já as rodas mais curtas ganham menos aceleração, tendo um atrito mais tenso e uma melhor controlabilidade.

Espessura

A espessura da roda de skate raramente é marcada, e costuma variar de acordo com o diâmetro; quanto maior o diâmetro da roda, mais baixa ela fica, pois sua superfície é maior, assim como, quanto menor o diâmetro, mais alta será a roda. Isso também afeta na controlabilidade e no atrito.

Então, qual a melhor roda de skate para cada modalidade?

Esse é o ponto fundamental de sua escolha: o estilo do seu rolê e os outros atributos do seu board!

Street

Se você costuma andar mais pelas ruas, em superfícies mais irregulares e variadas, a maciez vai fazer muita diferença no seu conforto, durezas entre 93 e 98A podem ser as ideais. Se usar bastante o board como meio de transporte, fique com a mais macia, se a questão for lidar com superfícies variadas mas ter uma estabilidade maior, fique com a mais dura.

Quanto à espessura, vale a pena escolher um conjunto entre 55 e 60mm, para não sofrer muito atrito ao cruzar com pedras e outros obstáculos.

Park

Em superfície mais regulares, como pistas e half-pipes, o atrito e os obstáculos são bem menores, assim como a envergadura e maciez dos ambientes exigem menos aceleração, de forma que você passa a precisar é um controle maior do board para ter um posicionamento rápido e responsivo.

Rodas com a superfície menor e mais secas são as ideias, entre 49 e 53 e dureza entre 98 e 101A, apesar de essa configuração ser um pouco mais difícil de se controlar no street e causar uma tensão muito grande no asfalto, você sentirá uma leveza muito maior em ambientes mais macios e verticalizados.

Longs e cruisers

Nessa modalidade os boards já possuem uma configuração muito mais específica e preparada para lidar com os terrenos e ganhar velocidade. Ainda que variem na estrutura do shape e dos trucks, as rodas para longboard e cruiser são bastante espessas e macias, na média de 70 a 77mm, com densidades entre 80 e 85A.

 Híbrido

Se você quer um board tradicional, para dar rolê tanto no street quanto no park e ainda usar como meio locomoção, mas sem ter de montar um long ou cruiser, é possível tentar modelar uma configuração mais híbrida.

Você pode ter dois pares de rodas, para variar de acordo com o ambiente, ou escolher uma roda que fica entre o street e o park. As densidades entre 93 e 98A são ideais, sendo que maioria das rodas é produzida na densidade 98, sendo um intermediário seguro. Nessa densidade, geralmente a milimetragem varia entre 53 e 56, tendo um bom grip, você pode optar pela mais larga, que vai ajudar a deslizar com mais velocidade nas ruas.

truck cisco 149 preto e amarelo

Mas vale lembrar que montar um board híbrido também requer um manejo especial na configuração do shape e do truck, para mediar a relação mobilidade x firmeza. 

No blog da Postal você acompanha outras publicações na série de montar seu board e conhecer melhor cada parte da anatomia do skate, além conhecer outros acessórios fundamentais no rolê.

Na Postal tem sempre uma seleção variada e acessível de todos os artigos, artes e roupas de skateboarding, com as melhores marcas e condições, confira nossas plataformas!

Deixe um comentário